Paulinho da Força acusa governo Dilma de querer promover “uma volta da ditadura contra movimentos sociais e sindicais”

Presidente do Solidariedade (SD), deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, acusou o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) de querer promover “uma volta da ditadura contra os movimentos sociais e sindicais” do País; “É uma volta da ditadura. O governo não consegue conviver com os movimentos e começa a usar a Justiça, visando judicializar as greves. Víamos isso na ditadura. Se nem a ditadura conseguiu acabar com as greves, não será a Dilma quem vai conseguir”, afirmou, em entrevista ao PE 247; ele disse, ainda, que até a realização da Copa do Mundo o país será palco de “uma enxurrada” de greves, por parte do setor público e privado.

Continue lendo